calcular capacidade empilhadeira

Capacidade da empilhadeira com novo centro de carga

Todas as empilhadeiras levam consigo uma tabela com a capacidade de carga pela altura. Mas como calcular a capacidade da empilhadeira com novo centro de carga, com alteração do centro de carga do palete?

As tabelas, na lateral da empilhadeira, consideram um centro de carga padrão. Na empilhadeira de contrapeso (comumente a combustão) o centro de carga padrão é de 500mm.

Nas empilhadeiras patoladas, elétricas, o centro de carga padrão é de 600mm, isso porque elas pegam o palete pelo lado de 1.000mm tendo o lado de 1.200mm distribuído ao longo dos seus garfos,.

Centro de carga padrão das empilhadeiras

Preparamos um infográfico para explicar melhor como funciona o centro de carga padrão das empilhadeiras de contrapeso e das empilhadeiras patoladas e o porque da diferença entre elas.

centro de carga empilhadeira
Capacidade da empilhadeira com novo centro de carga 5

Se você está lendo este artigo no celular, provavelmente o site entrou no modo mobile, caso a imagem não esteja aparecendo pra você, ou caso você queira baixar a imagem para compartilhar com colegas, e nas redes sociais, clique para ver e baixar: infográfico do centro de carga padrão das empilhadeiras.

Fique a vontade para compartilhar essa imagem, sempre mantendo os direitos autorais, a referência ao site empilhando.com.br.

Conforme explicado na imagem existe um motivo para que as empilhadeiras patoladas, normalmente elétricas e retráteis, usem o centro de carga padrão de 600mm.

Isso acontece porque elas pegam o palete para colocá-los na estrutura porta palete. E para que o palete suporte o peso, as vigas de madeira, as que ficam na lateral do palete precisam se apoiar nas duas estruturas de metal, se fosse possível colocar o palete lateralmente, provavelmente ele abriria no meio e a mercadoria cairia.

Já as empilhadeiras de contrapeso, normalmente a combustão, porque é o costume do Brasil, mesmo sabendo que as empilhadeiras elétricas são mais baratas no médio prazo, é o modelo mais usado.

Essas de contrapeso são usadas para carregar e descarregar caminhões, dado a medida da carroceria, o espaço é melhor aproveitado quando elas pegam o palete pela lateral.

Como calcular nova capacidade de carga da empilhadeira com alteração do centro de carga?

Para qualquer uma nova capacidade de carga da empilhadeira com alteração do centro de carga, você precisa primeiro calcular o momento da empilhadeira.

Com o momento da empilhadeira em mãos você consegue descobrir novas capacidades de carga, para elevação de paletes do chão, assim como novas curvas residuais, com elevação da carga a uma determinada altura. Vamos calcular as três coisas aqui:

  1. momento da empilhadeira
  2. nova capacidade de carga
  3. nova curva residual

Calculando o momento de carga de uma empilhadeira

Como mostramos em artigo anteriormente publicado, a empilhadeira tem o seu ponto de equilíbrio, e funciona como uma gangorra, leia o artigo sobre curva residual das empilhadeiras aqui!

momento de equilíbrio da empilhadeira
Equilíbrio da empilhadeira

Para encontrar esse ponto de equilíbrio você precisa somar a distância entre o centro do eixo dianteiro da empilhadeira até o carro suporte dos garfos (medida X), com o centro de carga padrão e multiplicar essa soma pela capacidade nominal de carga da empilhadeira, da seguinte maneira:

=(medida X + centro de carga) * capacidade nominal

Vamos a um exemplo concreto, trazendo imagens de uma lâmina técnica de uma máquina real de empilhadeira STILL:

distancia carga eixo empilhadeira
Distância do centro do eixo dianteiro até base do porta-garfos
medida x da empilhadeira
distância X do nosso exemplo = 508mm

Com essas informações da lâmina técnica:

capacidade nominal de carga 2.500Kg

distância entre centro do eixo dianteiro até porta garfos, X = 508mm

centro de carga padrão = 500mm

Calculando o momento dessa empilhadeira, temos que:

= (508+500) * 2.500

= 1.008 * 2.500

= 2.520.000

2.520.000 esse é o momento da empilhadeira em questão.

Calculando nova capacidade de carga nominal da empilhadeira

Para calcular uma nova capacidade nominal de carga você deve dividir o momento da empilhadeira pela soma da distância X com o novo centro de carga.

Vamos considerar que a empilhadeira vai levantar um palete com 1400mm ao longo dos seus garfos, com peso igualmente distribuído em todo o palete, por isso o seu centro de carga é de 700mm.

A pergunta é, qual o peso máximo que podemos colocar nesse palete, para que esta empilhadeira tire ele do chão?

Vamos às contas, como explicado acima:

= momento de carga / (distância X + novo centro de carga)

= 2.520.000 / (508 + 700)

= 2.520.000 / (1.208)

= 2.086

Com base nesses cálculos a nova capacidade de carga da empilhadeira, para reitrar um palete do chão com 1.400mm de comprimento ao longo dos garfos, com peso igualmente distribuído, com 700mm de centro de carga é de 2.086Kg.

E aqui devemos aplicar uma boa margem de segurança, nos cálculos.

Porque aplicar uma margem de segurança?

Se você leu o artigo anterior, citado no começo dessa matéria você vai entender mais fácil. Capacidade nominal de carga é diferente de capacidade real de carga.

Isso porque uma torre triplex, um deslocador lateral de garfos que seja sobreposto, e não integrado, vai aumentando a medida X, a distância entre o centro do eixo dianteiro até a base do porta garfos, o começo dos garfos.

Portanto você nunca deve levar essa conta a risca, mas sim como uma base, uma ideia, para ter noção da nova capacidade da empilhadeira.

Nós da empilhando.com.br não nos responsabilizamos por nenhum acidente causado pelo uso desses cálculos. Estamos apenas demonstrando como alguns fabricantes fazem a conta para o novo cálculo de capacidade da empilhadeira quando há alteração do centro de carga padrão. É apenas uma explicação e não uma recomendação de uso.

Lembrando que os fabricantes realizam testes em rampas inclinadas com as empilhadeiras, com e sem carga, para verificar a estabilidade das máquinas. Esses testes são realizados respeitando normas da Federação Européia de Manuseio de cargas e materiais – FEM.

Calcular nova capacidade residual de carga para empilhadeira

A conta é exatamente a mesma demonstrada acima, mas ao invés de pegar a capacidade nominal de carga, que no exemplo usado foi de 2.500kg, você deve pegar a capacidade de carga residual na altura desejada.

Então o momento da empilhadeira é calculado naquela altura, e a conta de desenvolve da mesma maneira como exemplificada acima.

Aprenda ainda mais lendo o artigo que escrevemos sobre o que é ensinado no: curso de empilhadeira!

Ver mais artigos como este!

Autor: Daniel Santos – adicione Daniel no seu LinkedIn!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rua Gastão Madeira, 427 cj13

Ubatuba – SP CEP 11680-000

Daniel Felipe Quaresma dos Santos ME

CNPJ 32.860.139/0001-00

Atalhos do site

© 2020 compartilhamentos autorizados desde que mantido a fonte, com link dofollow.

Compartilhar no

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Apoie! compartilhar no

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

50% de desconto no curso de operador de empilhadeira